A Ladra – J. R. Ward [Opinião]

43527921.jpg

Opinião:

A Ladra é o 16º livro da série da Irmandade da Adaga Negra! 16º livro! Acho impressionante como a autora consegue continuar a escrever sobre esta saga…e como consegue continuar a captar o interesse dos leitores!

Neste 16º volume já não estamos a ler apenas sobre os irmãos da Irmandade da Adaga Negra mas também sobre alguns elementos que fazem parte da sociedade de vampiros, neste caso sobre o Assail e sobre a sua paixão com a humana Sola. Estes dois conhecem-se porque são ambos traficantes de drogas e voltam a estar juntos neste volume já que a atracção que sentem um pelo outro acaba por estar acima de qualquer coisa. Assail está doente e a única pessoa que o pode ajudar é a Sola…o problema é que a Sola é humana…como poderá esta relação resultar? É isso que vamos descobrir neste livro…

Mas este 16 volume fala não apenas destes personagens mas também dos problemas entre outro casal, o Vishous e a Jane assim como da nova ameaça que os vampiros enfrentam…

Gostei bastante deste livro mas neste volume confesso que parecia que estava a ler 3 livros diferentes e que a autora tinha decidindo ir juntando as peças. Depois sempre conseguiu juntar tudo e então aí o livro acabou por resultar… Houve alturas do livro em que pensei que iria apenas dar 2 estrelas, mas acabou por me conquistar e dei-lhe 4 estrelas.

Está é uma série que na minha opinião tem de ser lida desde o primeiro volume para compreendermos todo este mundo vampírico que a autora criou e podermos também criar empatia com este mundo e com todas as personagens que vão aparecendo ao longo de toda a série. Se recomendo? É claro que recomendo! Adoro estes vampiros sexys! 🙂

Podem ouvir-me falar mais sobre este livro e sobre está série no meu canal:

Sinopse:

Surgem novos inimigos da Irmandade da Adaga Negra e o desejo arde intensamente neste novo romance da emocionante e lendária saga.

Sola Morte, ex-ladra e arrombadora de cofres, desistiu da sua antiga vida à margem da lei. Em fuga de uma família de traficantes de droga, ela está escondida, bem longe de Caldwell, mantendo a sua independência e a segurança da avó. O seu coração, porém, continua no norte, nas mãos do único homem que conseguiu penetrar as suas defesas: Assail, filho de Assail, que nunca se quis apaixonar – e muito menos por uma mulher humana. Mas é impossível terem um futuro comum, e não apenas porque Sola desconhece que ele é um vampiro, mas porque ele está longe de deixar de combater ao lado da Irmandade da Adaga Negra. O destino, no entanto, tem outros planos para ambos. Quando Assail fica em coma, à beira da morte, os seus primos procuram Sola e imploram-lhe que lhe dê uma razão para viver. A última coisa que ela quer é retornar ao passado, mas como pode deixá-lo morrer?
Com o surgimento de um novo e letal inimigo dos vampiros, a Irmandade precisa mais do que nunca de Assail de volta, Sola torna-se não apenas um alvo, mas uma força fulcral de missão numa guerra que ela não compreende. E quando a verdade sobre Assail for revelada, ela fugirá do horror… ou seguirá o seu coração e cairá nos braços do homem que a ama mais do que a própria vida?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s