O Ano Em Que Nos Amámos Perigosamente – Julia London [Opinião]

25412235

Opinião:

O ano em que nos amámos perigosamente é um romance de época intenso e que deliciará as leitoras portuguesas. Eu nunca tinha lido nada de Julia London e foi uma surpresa agradável este livro. Conhecemos Keira, uma jovem destemida e que tem uma necessidade de sentir a liberdade mais que qualquer outra pessoa. Quando a sua prima Lily pede-lhe que vá no seu lugar para a casa onde ela é agora a nova condessa, Keira não hesita e vai. O problema é que as coisas acabam por se desenrolar de uma forma que não estavam à espera. Depois surge Declan, o conde em que Keira deposita todas as sua esperanças.

Falando de uma forma geral este é um excelente livro que cumpre o propósito de entreter o leitor, no entanto, não posso deixar de apontar uma falha que foi o começo lento do livro e que até pode desencorajar alguns leitores. Normalmente neste gênero de livros tudo passa-se muito rápido e numa questão de meses, ou até semanas os personagens acabam por se envolver e tudo ficar despachado muito rapidamente. Neste livro isso não acontece. O desenrolar da ação é muito lento e a relação entre os personagens acontece muito devagar.

O enredo do livro é cheio de mistério e trama e por isso desperta imensa curiosidade ao leitor e até um certo medo e receio que Keira acabe por ser desvendada. Declan é fantástico, gostei muito dele, aliás gostei imenso de ambos os personagens porque são muito destemidos e não têm a pretensão de viver uma vida simples e aborrecida. Anseiam por liberdade e por conhecer muito mais do mundo. Acho que são perfeitos um para o outro.

Adorei este livro e mal posso esperar por ler os restantes livros desta série.

4.5*

Sinopse:
Inglaterra, 1808. Quando Declan O’Conner, conde de Donnelly, chega a Hadley Green para conhecer a nova condessa de Ashwood, basta-lhe apenas um olhar para perceber que a bela nobre que o recebe não é quem deveria ser. Para tentar fugir a um casamento indesejável, Keira Hannigan assumiu a identidade da verdadeira condessa, sua prima, em viagem pelo estrangeiro. Intrigado com o segredo que rodeia a mentirosa sedutora, Declan decide não a desmascarar e até concorda em ajudá-la a lançar luz sobre o mistério que envolve as preciosas joias desaparecidas de Ashwood. A situação, no entanto, precipita-se rapidamente quando um chantagista obscuro ameaça revelar o escândalo e o conde percebe que deve proteger Keira a todo custo.

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s