Um amor perdido – Anna McPartlin [Opinião]

transferir

Opinião:

Anna McPartlin é daquelas autoras que eu sei que irá sempre escrever livros que eu vou adorar e que vou querer ler. Este não foi excepção. Nas suas histórias e neste livro também oferece aos leitores personagens com problemas verdadeiros, histórias que nem sempre são alegres mas que nos fazem rir. Já li os 3 livros anteriores que foram publicados em Portugal e se for para fazer uma comparação, este foi um pouco mais fraco para mim, no entanto, não deixou por isso de me encantar à sua maneira.

Neste livro conhecemos Jane. Jane cuida de todos menos dela própria. Cuida do filho adolescente, Kurt, cuida da irmã mais nova, Elle que é uma famosa artista e cuida da sua velha e rabugenta mãe Rose. Quando conhece Tom e verifica que as suas vidas estão interligadas através de Alexandra a primeira coisa que faz é começar a ajudar também Tom. Leslie também aparece e vê-se irremediavelmente ligada a estas peculiares irmãs. É assim que acabamos por entrar no rodopio das vidas de todos estes personagens. É aos poucos que os vamos conhecendo e vamos vendo que aquilo que vemos na superfície não se compara em nada ao que está por baixo. Além destas personagens, temos também as personagens secundárias que dão o seu toque especial ao livro e que vão surgindo nos momentos adequados.

É verdade que inicialmente pensemos que o livro irá tratar principalmente do desaparecimento de Alexandra e é inevitável estarmos sempre a nos questionar sobre o que lhe terá acontecido. Mas, com o passar das páginas vamos vendo que afinal ela acabou por passar para um plano secundário e o que realmente importa é como ficarão aquelas personagens sem ela.

Este é um livro que tem um pouco de tudo, tem um pouco de mistério, momentos alegras e muito divertidos, bastante drama e até um pouco de loucura. No entanto, não é assim tão negro. Acaba por ser um livro que aborda temas extremamente difíceis mas com alguma ligeireza.

Gostei especialmente do toque que a autora deu ao iniciar cada capítulo do livro com um refrão de uma música de um músico irlandês. Um livro que vale a pena ler e uma autora que vale a pena seguir!

3.5*

Sinopse:

A 21 de junho de 2007 Alexandra Kavanagh saiu de casa, falou com a vizinha, meteu-se no comboio, chegou à estação de Dalkey e desapareceu… Tom está destroçado. Não encontra a mulher, o seu mundo desmoronou e o seu único objetivo é localizá-la. Durante dezassete anos, Jane cuidou do filho Kurt, da excêntrica irmã Elle, e da rabugenta mãe Rose. A única pessoa de que não cuida é dela própria. Elle é artista e considerada um génio. Como tal, o seu comportamento um tanto errático é tolerado. Embora a sua vida pareça perfeita, a tristeza de Elle é por vezes profunda. Leslie perdeu toda a família para o cancro. Passou vinte anos à espera de morrer, mas após uma operação radical está determinada a viver de novo. Quatro meses depois do desaparecimento de Alexandra. Tom entra num elevador com Jane, Elle e Leslie para um concerto de Jack Lukeman. Uma hora mais tarde, os quatro desconhecidos saem de lá com as suas vidas entrelaçadas para sempre. Um Amor Perdido aborda o alcoolismo, a depressão, a negação e a dor e ainda assim irá dar por si a sorrir e até a rir.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s