Tudo se perdoa por amor – Patricia Scanlan [Opinião]

Tudo se Perdoa por Amor

Opinião:

Patricia Scanlan nasceu e vive em Dublin. Os seus livros, todos êxitos de vendas, estão traduzidos em várias línguas. Sempre se interessou pelo mundo da edição e trabalhou em part time como consultora numa editora internacional. Embora adore escrever ficção, Patricia anseia verdadeiramente ser convidada para escrever um livro sobres os Grandes Spas de Luxo do Mundo ou as Lojas Mais Elegantes de Paris… não importa quais.

Nunca tinha lido nada de Patricia Scanlan, mas este primeiro livro publicado em Portugal pela Quinta Essência cativou-me não só pela sua capa tão linda mas também pelo seu título sugestivo. Confesso que ao começar a ler esperava uma história completamente diferente daquela que acabei por ler.

Este livro conta a história de várias pessoas que rodeiam a vida de Debbie, uma jovem que está prestes a casar. O desenrolar da história passa-se algumas semanas antes do grande dia e conta as atribulações porque todos passam até chegar finalmente o dia do casamento.

Foi um livro engraçado e a autora tem uma forma de contar cenas mais graves da vida de uma família de uma forma bastante caricata e pacata. Isto tudo adicionado a sua escrita leve e simples faz com que este seja um livro simples e divertido para ler durante umas férias relaxantes.

No entanto, tenho alguns pontos negativos a mencionar. Um deles foi que as personagens estavam muito centradas em si próprias, sendo extremamente egocêntricas. Outro dos pontos negativos é que existem personagens que foram mencionadas durante o livro que eu nunca cheguei a perceber qual o objetivo de contar as suas histórias. Por outro lado fiquei curiosa para ler a continuação para perceber qual será o papel delas na vida de Debbie, da sua mãe e restantes familiares.

De todos os personagens do livro, o que mais gostei foi sem dúvida de Connie, a mãe da noiva. Uma pessoa bastante ponderada e que de todas ainda se preocupava com as pessoas à sua volta.

Foi um livro com altos e baixos que eu gostei de ler e que me deixou com curiosidade para ler o segundo volume. Muito engraçado!

3*

Sinopse:
Nada como um bom casamento… para dar início a Terceira Guerra Mundial! E é exatamente o que vai acontecer se Connie Adams, a mãe da noiva, não conseguir melhorar as relações entre Debbie e o pai. Barry faz questão que a sua emproada segunda mulher e a filha adolescente, sempre mal-humorada, o acompanhem no grande dia, mas Debbie preferia casar num supermercado a tê-las no seu casamento. E, como se não bastassem já a Debbie todas estas coisas, a sua chefe anda a fazer-lhe a vida num inferno e ela começa a desconfiar que o noivo tem algumas hesitações relativamente ao casamento… Por isso, viverão todos felizes para sempre ou estará a família inteira a encaminhar-se para o divórcio?

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s