Ligeiramente Perverso – Mary Balogh [Opinião]

1618396_796176670410600_366746245_n

Opinião:

Este livro foi tão giro! Gostei muito! Esta autora sabe mesmo escrever histórias diferentes, ela consegue sempre manter-se dentro do mesmo romance fofinho mas com temas, descrições, personagens e cenas diferentes das que estamos habituadas.

Este livro é o segundo de uma série de seis livros sobre vários irmãos. O primeiro livro apesar de ter sido uma leitura agradável não foi de todo tão bom como este. Neste a autora continua com o seu toque muito característico de doçura e afabilidade mas com algum erotismo que veio dar outro ânimo ao romance.

Neste romance conhecemos duas pessoas presas ao seu destino que num arrebatar de horas tentam mudar a realidade das suas vidas e assim assumir outras personagens, dando outra cor às suas vidas. Neste ponto é onde realço as personagens que achei tão confiantes, seguras de si e que não se importaram com as regras sociais e decidiram ter um bocado de céu que lhes estava vedado.

Os vilões deste trama também não ficam atrás já que são daqueles que enervam realmente o leitor e o deixam ansioso e nervoso.

Gostei muito deste livro, achei-o muito romântico e agradável!

4*

Sinopse:
A família Bedwyn está de volta. Estes seis irmãos e irmãs são capazes de tudo para concretizarem os seus sonhos… até de mandar às urtigas as normas rígidas da alta sociedade britânica, na qual continuam a fazer os possíveis por não ferir demasiado os sentimentos alheios.
É difícil resistir a Lord Rannulf Bedwyn. Para Judith Law, ele é um sonho tornado realidade. É com este belo desconhecido que a jovem decide passar a única noite de paixão da sua vida. Na manhã seguinte, ela submete-se resignadamente ao deprimente papel de dama de companhia de uma tia rica. Judith nunca pensou voltar a ver o homem a quem se entregou de forma tão arrebatada… e imprópria, muito menos encontrá-lo sob o mesmo teto e a cortejar a sua prima. Só que as aparências iludem. Rannulf não esqueceu a noite que passaram juntos. E Judith luta consigo mesma e com essa memória, à qual não pode ceder sob pena de perder a proteção da tia, o seu único sustento após a ruína da família. Quando um escândalo ameaça destruir a sua já frágil existência, Rannulf não hesita em recorrer ao poder e influência dos Bedwyn para a salvar. Os sentimentos de ambos estão ao rubro. Mas qual o futuro de uma relação que começou com uma paixão despudorada e culminou em humilde gratidão? Poderá o verdadeiro amor nascer de algo ligeiramente perverso?

Anúncios

One thought on “Ligeiramente Perverso – Mary Balogh [Opinião]

  1. Benedita Zaleia diz:

    Olá!
    O primeiro romance que eu li foi One night for love da MB, e fiquei impressionada com a sensibilidade de sua escrita, com personagens tão vibrantes. A forma como ela vai conduzindo os acontecimentos nos faz torcer, a cada página, pelo final feliz.No decorrer da leitura, você vai percebendo o quanto o casal amadurece e seus sentimentos se fortalecem. Você começa suspirando e termina com um sorrisinho do tipo:”lindo!”. livro espetacular, leiam povo! oh aqui: http://portugues.free-ebooks.net/ebook/Ligeiramente-Casados

    bjs

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s