As portas da meia-noite – Lara Adrian [Opinião]

1743661_672450802798347_3860805_n

Opinião:

As portas da meia-noite é o oitavo livro de uma longa série escrita por Lara Adrian, autora americana que, segundo a própria, quando era pequena costumava dormir com os cobertores sobre a cabeça com medo que os vampiros a viessem morder. Pois agora vejam só, está toda crescida e a escrever sobre vampiros. Sim, porque quem não sabe, ou ainda não conhece a série, está é sobre a história de um grupo de homens que pertencem a uma ordem. Esta ordem serve para proteger a raça dos vampiros que descendem de alienígenas e proteger os humanos destes seres da noite.

Este livro foi uma surpresa para mim por algumas razões. Primeiro porque no sétimo livro nunca pensei que Jenna pudesse vir a acasalar com um macho da raça e também pela forma como tudo aconteceu que foi uma surpresa boa.

Mas vamos por partes:

Em primeiro lugar vou falar a nível geral já que vamos já no oitavo livro. A nível geral, gostei do livro, quer dizer eu sou mesmo muito fã desta série e até agora a autora não me decepcionou, mas confesso que este para mim foi o mais fraquinho de todos até agora em termos de romance. No entanto, no que se refere a nível da acção e de desenvolvimento da história este foi o melhor.

Neste oitavo livro, Dragos continua forte como sempre e tem causado vários problemas a ordem. Algumas baixas sucedem-se e os guerreiros vêm assim a raça de vampiros decrescer cada vez mais, no entanto, com a ajuda de Jenna as mulheres que pertencem a ordem vão ajudá-los nesta missão crucial e vão surpreender a todos os leitores. Eu fiquei bastante surpreendida e acima de tudo agradada.

Jenna é uma personagem forte, sem sombra de dúvida a mais forte até agora descrita nesta série. E não pude deixar de notar o facto de que Jenna é humana e não uma companheira de raça (companheiras destinadas a acasalar com vampiros). Gostei bastante desta personagem por ser tão forte.

Brock foi também uma surpresa. Negro, forte e com algumas mágoas vai conquistar o coração de Jenna que há muito estava trancado sem se permitir amar de novo. A química de ambos é forte e tal como era de esperar a autora soube criar um bom clima de tensão entre ambos, como já nós tem vindo a habituar.

Apesar disso, achei o romance mais fraco e não tão desenvolvido como nos anteriores, neste livro o ponto principal não foi o amor entre o casal mas sim as novas suspeitas e estragos que Dragos lança sobre a ordem. Por isso mesmo, no final, foi um bom livro, um livro que eu gostei de ler e que só me deixou mais ansiosa por ler os próximos volumes. Adoro o Hunter e mal posso esperar para ler a história dele.

Uma série a não perder!

3*

Sinopse:
No árido e gélido deserto do Alasca, a ex-agente da polícia Jenna Darrow consegue sobreviver a um acontecimento inexplicável que a fere no corpo e na alma. Contudo, a sua fuga traz-lhe um desafio ainda maior. No seu interior estão a ocorrer mudanças estranhas, e ela luta consigo própria para tentar compreender e controlar uma nova fome. Para isso, refugia-se em Boston no recinto da Ordem, uma antiga raça de guerreiros vampiros cuja própria existência está rodeada de mistério. Possivelmente, o mais misterioso de todos é Brock, um macho alfa melancólico de olhos negros e aspeto ameaçador cujas mãos têm o poder de consolar, curar… e seduzir. Enquanto recupera com os cuidados de Brock, Jenna sente-se atraída pela missão da Ordem: fazer com que um inimigo cruel e o seu respetivo exército de assassinos pare de submeter a humanidade a um reino de terror. Apesar da determinação de ambos em lutar contra os próprios sentimentos e deixar-se levar apenas por uma atração física, Jenna e Brock ver-se-ão envolvidos num desejo muito mais selvagem do que a vida e mais forte do que a morte… Até que um segredo do passado de Brock e a mortalidade de Jenna submeterão o amor proibido que ambos sentem um pelo outro a uma última prova de fogo

Anúncios

2 thoughts on “As portas da meia-noite – Lara Adrian [Opinião]

  1. Rita diz:

    Não poderia concordar mais! Achei tudo tão simples no romance deles, demasiado fácil, acho que temos de ter sempre algumas complicações ;)… E também aguardo pelo do Hunter ansiosamente, que já é o próximo! Eheh

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s