TAG – Breaking The Spine

Vintage vector background

Esta tag foi passada para mim pela Tânia do blog Rua de Papel.Trata-se de uma tag super simples onde temos de responder a 5 perguntas sobre a lombada dos livros.

Aqui ficam a minhas respostas:

1. Vincas/dobras as lombadas ou preferes manter o livro como novo?
Eu cuido muito dos meus livros e praticamente todos eles estão como novos, por isso, só dobrou ou vinco a lombada de um livro quando tenho mesmo de o fazer. Há livros que por serem grossos temos de os dobrar para poder ler.

2. Para quem não gosta de lombadas dobradas, já o fizeram acidentalmente?
Sim, já me aconteceu algumas vezes! Fico danada e depois estou sempre a olhar para a lombada como que a pedir desculpa ao livro! lol

3. Se comprares um livro usado em que a lambada venha dobrada, como te sentes?
Não me sinto bem nem mal! Afinal o dono anterior é que não teve cuidado com ele…daí para a frente trato-o bem para que não se danifique mais.

4.Concordas ou discordas que um livro com a lombada estragada é um livro amado?
Isso vai depender da pessoa. Se for um livro que leste muitas vezes por gostares dele é óbvio que é um livro amado mas se foi apenas porque não soubeste cuidar dele…

5. Como as lombadas nos hardbacks são mais difíceis de estragar ou nota-se menos, preferes comprar hardbacks ou paperbacks?
Eu adoro hardbacks, são lindos! Mas acho que só tenho um livro desses porque são muito caros!

A quem passo a TAG:
Algodão doce para o cérebro
Páginas Encadernadas
Crónicas de uma leitora

Anúncios

One thought on “TAG – Breaking The Spine

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s