A Rosa Rebelde – Janet Paisley [Opinião]

Sinopse

Numa época em que a guerra civil dividia a nação, Anne acreditou que podia bater-se com os melhores guerreiros. Pela espada. Por convicção. Por paixão. A Rosa Rebelde conta-nos a fascinante e turbulenta história de uma notável figura histórica, Lady MacIntosh, que ficou conhecida como coronela Anne. Foi uma heroína das Terras Altas da Escócia, uma encantadora rebelde, uma Braveheart que arriscou tudo, incluindo a sua vida, por amor ao seu país e ao seu rei. Fruto de uma cuidada investigação histórica, e com notável mestria, Janet Paisley criou uma extraordinária história de amor, conflito, lealdade e traição que se lê compulsivamente. Uma sensual aventura histórica, repleta de emoção, protagonizada por uma heroína apaixonada e irresistível.

Críticas de imprensa

«Um romance histórico empolgante e poderoso com uma heroína bela e enérgica.»
Financial Times

A minha opinião:

A escritora para escrever este maravilhoso romance, fez uma pesquisa histórica muito profunda e deste modo criou personagens bem fundamentadas e levou o leitor por uma viagem alucinante pelas terras da Escócia.

Este livro além de ser uma história muito apaixonante, dá-nos a conhecer o povo da Escócia, os seus costumes a sua maneira de viver e formas de pensar que na minha opinião ainda se afasta muito daquilo que muitos países por esse mundo fora pensam. É retratado um período da história da Escócia muito conturbado, período este que se vivia a guerra civil britânica.
Este conhecimento transmitido pela escritora deixou-me estupefacta e não esperava que houvesse costumes destes no séc. XVIII na Escócia em relação às mulheres.

É apresentado ao leitor Anne filha de um chefe, uma jovem apaixonada pelo seu clã e pelo seu povo acima de tudo. É uma jovem mulher de beleza invulgar e com uma personalidade bastante forte que vai perseguir os seus sonhos e certezas até não poder mais. Conhece Anneas McIntosh, casa-se com ele e mais tarde vai viver com ele e com o seu clã, mas nunca perde o carinho especial que sente pelo seu amigo de infância Alexander MacGilivray.

Para proteger o seu clã Anneas é forçado a se juntar as tropas inimigas e Anne revoltada com a atitude do marido que nem o conselho dela lhe pediu, toma as rédeas do seu clã e dos clãs vizinhos e parte pela luta da liberdade. Aqui o leitor encontrará vários sentimentos contraditórios e pensará muitas vezes como consegue uma jovem lutar contra o seu marido? Mas ao longo do livro a escritora dá-nos a conhecer várias facetas desta personagem maravilhosa que apesar de ser uma lutadora nunca deixa o seu lado feminino de parte e acima de tudo nunca afasta o amor intempestivo e poderoso que sente pelo seu marido que se encontra longe dela…

Encontramos de tudo um pouco ao longo do livro e o amor e a amizade são postos em causa várias vezes através das várias personagens que se encontra ao longo da história.
Uma das coisas que mais me surpreendeu em alguns momentos foi a descrição nua e crua de cenas de guerra, cenas chocantes que me deixaram perplexa e nauseada. Irão encontrar muita tristeza, pobreza e doença, mas encontrarão também amor, paixão, amizade, confiança e perseverança.

ADOREI este livro! Não esperava que fosse tão intenso, mas foi de uma maneira surpreendente e arrebatadora! Muitas foram as vezes que chorei de raiva, impotência e medo mas também foram muitas as vezes que sorri com o carinho e o amor que transbordava em cada página.

Com uma capa linda este livro figura no top dos melhores livros lidos este ano. Um livro da colecção Ilhas Encantadas da Bizâncio que não poderá perder.

Anúncios

7 thoughts on “A Rosa Rebelde – Janet Paisley [Opinião]

  1. Anonymous diz:

    Olá! Por favor, gostaria de saber se além da narrativa histórica, da guerra, tem romance no livro? Fiquei muito interessada… O casal principal é a heroína e o marido por quem ela irá lutar contra, ou o foco não é o romance nesse livro ? Bjs, Annie

  2. Sandra diz:

    Sim claro!! Tem muito romance no livro, aliás a história centra-se principalmente no casal principal e muitas coisas acontecem precisamente por eles não se entenderem! 🙂

  3. Anonymous diz:

    Muito obrigada! Quero muito ler esse livro, mas fiquei com receio de se tratar apenas de aventura e de guerra. Sabendo agora que tem romance, vou comprar com certeza. Obrigada e parabéns pela excelente resenha. Abraços, Annie

  4. Milla diz:

    Hum, parece ser um livro maravilhoso. Sua resenha também me deixou interessada, parabéns. Me diga, além da maravilhosa estória, tem cenas sensuais no romance? Nunca li nada dessa autora e gostaria de saber. Bjs

  5. Sandra diz:

    Olá Milla! Ainda bem que gostaste! :)Sinceramente eu já não me lembro muito bem, mas lembro-me de ter algumas cenas sensuais mas não eram nada de especial. Não é do género histórico muito sensual. Beijinhos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s