Pede-Me O Que Quiseres – Megan Maxwell [Opinião]

PEDE-ME O QUE QUISERES_PR

Opinião:
Pede-me o que quiseres é o primeiro livro publicado pela autora Megan Maxwell, uma reconhecida e prolífica escritora do género romântico. Filha de mãe espanhola e pai americano, publicou vários romances. Em 2010 ganhou o Prémio Internacional Seseña de Novela Romántica; em 2010, 2011 e 2012 recebeu o Prémio Dama de Clubromantica.com; e em 2013 o «AURA», galardão outorgado pelo «Encuentro Yo Leo RA» (Romântica Adulta).
Vive numa encantadora aldeia nos arredores de Madrid, na companhia do marido, dos filhos, do cão Drako e do gato Romeo.

Não sabia muito bem o que esperar deste livro. Achei que seria algo do género das 50 sombras, mas depois de ler achei que era muito diferente. E é mesmo. De todos os livros que li até agora (exceptuando a trilogia dA’ Bela adormecida da Anne Rice), este foi sem dúvida o mais erótico.

Gostei especialmente deste livro por duas razões: a personagem feminina Judith é bastante inteligente e destemida e também pelas descrições eróticas que achei estarem muito bem sem parecem vulgares. Houve partes que me fartei de rir e outras que fiquei a pensar “Acabei de ler isto?”.

O enredo é fraquinho porque na realidade, além do envolvimento de ambos e a evolução da relação emocional e física não se passa grande coisa e o fim não é nada surpreendente. No entanto, gostei muito de ler este livro e em breve lerei o segundo volume desta trilogia. É uma autora a seguir.

3*

Sinopse:
Após a morte do pai, o prestigiado empresário alemão Eric Zimmerman decide viajar até Espanha para supervisionar as filiais da empresa Müller. Nos escritórios centrais de Madrid conhece Judith, uma jovem inteligente e simpática, por quem se enamora de imediato. Judith sucumbe à atracção que o alemão exerce sobre ela e aceita tomar parte nos seus jogos sexuais, repletos de fantasias e erotismo. Com ele aprenderá que todos temos dentro um voyeur, e que as pessoas se dividem em submissos e dominantes…
Mas o tempo passa, a relação intensifica-se e Eric começa a temer que o seu segredo seja descoberto, algo que poderia ditar o princípio do fim de uma relação.

Pensamentos #1

images

Estes dias frequentei um workshop sobre felicidade e o tema era “Educar para a felicidade”. Foi uma tarde bastante divertida e com imensos momentos reflexivos. O workshop estava orientado para a psicologia positiva que para quem não sabe foi criada na década de 90 para complementar a psicologia tradicional. Esta nova visão em vez de se focar na cura dos distúrbios mentais, propõe uma nova abordagem: trabalhar as potencialidades, os talentos, e a persistência (etc).

Estes são temas que sem dúvida me fascinam. Eu própria sou mais virada para a abordagem positiva e no trabalho com grupos. Gosto de conhecer novas pessoas, de conhecer como encaram a vida e como fazem face aos problemas com que se deparam.

Hoje não foi um dia muito fácil para mim, já que recebi uma noticia que não estava à espera. É algo que irá atrasar ainda mais o meu futuro profissional e que dada a instabilidade que o país atravessa não vem me favorecer em nada. E por isto hoje, ainda mais que outro dia tentei pôr em prática o que aprendi no workshop. E um dos principais pensamentos é agradecer o que temos (que é muito!) e não pensar no que não temos. É focar-nos no que está ao nosso alcance e que poderá nós fazer feliz sem que isso dependa de outrem. No entanto, isto é algo extremamente difícil de fazer já que existe algo que eu quero mais do que tudo neste momento: emprego.

Às vezes tenho receio de soar mimada. Eu tenho consciência que tenho tudo, que não me falta nada e que todos os dias é um milagre que temos de agradecer, mas por vezes a nostalgia parece que toma conta de nós.

Com isto tudo o que quero dizer é que realmente a felicidade reside dentro de cada um de nós e que só de nós depende. Eu posso escolher ser feliz hoje com aquilo que tenho e não passar o dia a me queixar do que não tenho. Se é fácil? Não me parece que seja. Mas é uma aprendizagem…como tudo na vida o é.

transferir (1)

Vamos viver um dia de cada vez porque o hoje está aqui, o ontem já foi e o futuro não nós pertence!

Tatiana – Paullina Simons [Opinião]

1002659_447401885393106_159580405_n

Opinião:

O grande amor da minha vida foi um livro que me marcou profundamente. Não apenas a linda história de amor relatada, mas também os horrores descritos. Como é óbvio, esperava ansiosamente a segunda parte deste livro. Tatiana é supostamente esta segunda parte.

No final da primeira parte, Tatiana consegue fugir para a América. Grávida, consegue ter o seu filho em terras americanas o que proporciona cidadania. Aqui vamos conhecer o que será de Tatiana, o que lhe irá acontecer, assim como vamos descobrir o que se passará com Alexander.

Foi a primeira vez que eu li algo sobre a Segunda Guerra Mundial da perspectiva da Rússia e ao longo do livro vamos aprendendo e tomando conhecimento de todos os horrores que se passaram nessa altura. A revolta que cresce dentro de nós é enorme porque em cada virar de página vamos nós apercebendo do ponto a que chegou a estupidez e a ganância humana.

Tanto Hitler como Estaline eram assassinos que massacraram milhares de vidas. Não vou descrever mais nada do livro mas posso adiantar que é relatado ao leitor o que aconteceu ao imensos emigrantes que abraçaram esta ideologia política e que se mudaram para este estado. É dado a conhecer como tudo funcionava, desde os apartamentos que tinham que dividir, até como funcionavam as profissões e a distribuição dos alimentos.

Conhecemos esta realidade através da infância de Alexander. Através de analepses fazemos uma viagem ainda maior no tempo e verificamos como tudo funcionava. É relatado também todos os horrores da guerra, da sua evolução, de como os russos conseguiram expulsar Hitler e as suas tropas, mas também como sofreram ao se verem cercados por eles. Todos acabavam por ser culpados de alguma coisa e não havia escapatória.

Ao longo de todo o livro ouvimos a voz de Alexander mas também ouvimos a voz de Tatiana e é com ansiedade que queremos chegar ao reencontro de ambos, mas são muitas as vezes que pensamos que talvez esse encontro nunca chegue a suceder, principalmente por tudo o que Alexander está a passar.

Adore ler este livro e foi uma sensação estranha porque estas são personagens que tornam-se parte de nós. Choramos e rimos com elas e também sofremos…

E eu nem ia falar neste assunto mas não resisto porque estou mesmo chocada e triste. Como será possível que a editora tenha cortados os últimos capítulos e tenha-os deixado para um suposto terceiro livro juntamente com um epílogo? E então o verdadeiro terceiro livro? Que raiva! Enfim! É mesmo enganar os leitores…

Eu não sei se irei ler o terceiro volume…aliás nem sei o que faça porque fiquei mesmo muito triste e desapontada :(

5*

Sinopse:
Com apenas dezoito anos, Tatiana está grávida e só. O seu marido, Alexander, foi acusado de espionagem e preso pela infame polícia secreta de Estaline.
Alexander é um herói de guerra condecorado que carrega um segredo fatal. Nascido na América, vive encurralado desde a adolescência na União Soviética, para onde imigrou com os pais, que queriam viver o ideal comunista. Mas o brutal regime do país rapidamente destroçou os seus sonhos. Para se proteger, Alexander serviu o Exército Vermelho e fez-se passar por cidadão soviético. Para ele, a II Guerra Mundial é já uma causa perdida: tanto a derrota como a vitória significam a morte.
As notícias que dão conta do triste destino de Alexander levam Tatiana a fugir para a América. Quando chega a Nova Iorque, ela é uma jovem viúva com um filho pequeno nos braços e um passado doloroso. Pouco tempo depois, tem um emprego, amigos e a vida com que nunca ousou sonhar. Mas a dor pela perda de Alexander nunca a abandona. Algures dentro de si e contra todas as evidências, ela continua a ouvir a voz do seu grande amor…
Uma história épica de amor e guerra. Um hino ao poder dos sentimentos e da fé humana.
Tatiana é a sequela do bestseller mundial O Grande Amor da Minha Vida.

TOPSELLER: “Uma Semana para te Amar”

Press Uma Semana Para te Amar-01

«O livro perfeito que parou o meu mundo por algumas horas.» – The Obsessive Reader
«Uma história doce e sexy que vai agarrá-lo desde a primeira página.» – Under the Covers
«Um romance delicioso e sexy, com personagens complicadas e drama intenso.» – Literary Cravings
«Um livro fantástico! Mal posso esperar pelo resto da viagem emocional do Drew e da Fable.» – A Bookish Escape

Autora bestseller do New York Times e USA Today, Monica Murphy estreia-se nas livrarias portuguesas com o romance Uma Semana para te Amar (Topseller I 208 pp I 14,99€). Uma história que vai prender os que se apaixonaram pela escrita de autores como John Green. A Topseller disponibiliza os primeiros capítulos para leitura imediata, aqui.

Temporária. É a palavra que melhor descreve a minha vida nos últimos anos. Sou a mãe temporária do meu irmão mais novo, já que, aparentemente, a nossa mãe não quer saber de nós. Tenho um trabalho temporário num bar, pelo menos até conseguir arranjar outra coisa. E sou a namorada temporária que todos os rapazes querem ter, porque me deixo seduzir facilmente. Ou, pelo menos, é o que dizem os rumores.

Sou neste momento a namorada temporária do Drew Callahan, lenda da equipa de futebol da universidade e de quem toda a gente gosta. Ele precisava de alguém que fingisse ser sua namorada durante uma semana. Em troca de dinheiro. Muito dinheiro.

Levou-me para o seu mundo falso, onde toda a gente me detesta e onde toda a gente quer alguma coisa dele. Mas a única coisa que o Drew parece querer… sou eu. Já não sei em que acreditar. Tudo o que eu sei é que o Drew parece precisar muito de mim. E eu quero estar lá para ele. Para sempre.

A AUTORA
Monica Murphy é uma autora norte-americana cuja coleção de livros intitulada One Week Girlfriend Quartet já é bestseller do New York Times e do USA Today. Uma Semana para te Amar é o primeiro título desta série.

Escreve ficção para jovens adultos, além de romances contemporâneos. Vive com o marido e os três filhos no sopé das montanhas de Yosemite, na Califórnia.
Adora livros e acha que tem o melhor trabalho do mundo. Saiba mais sobre a autora em monicamurphyauthor.com.

TOPSELLER: “O Segredo dos Tudor” – Mistério, intrigas, perseguições, assassínios e… corrupção

Capa O Segredo dos Tudor

«Uma trama executada de forma brilhante… ficção histórica de qualidade, muito bem construída. Altamente recomendado.»
- Historical Review Romances, Editor’s Choice

“Gortner handles action with aplomb, adding a riveting, fast-paced thriller to the crowded genre of Tudor fiction.”
- Publisher’s Weekly

“Even Tudor fans who know the main players . . . will be captivated. This novel is both entertaining and thoughtful.”
- ****Romantic Times

Depois de O Juramento da Rainha, um romance histórico sobre Isabel, a Católica, C.W Gortner regressa com um novo romance, desta vez dedicado à Casa de Tudor.

O Segredo dos Tudor (Topseller I 352 pp I 20,99€) é uma obra com um enredo misterioso envolto em intrigas, perseguições, assassínios e corrupção. Uma história que esconde um segredo muito mais perigoso e mortal do que ele alguma vez poderia imaginar.

No verão de 1553, Brendan Prescott é chamado à corte inglesa dos Tudor para se tornar escudeiro de Robert Dudley. Na mesma noite em que chega à corte, Lorde Robert encarrega-o de entregar secretamente um anel à princesa Isabel.

Frente a frente com a emblemática princesa, e depois de ela se recusar a aceitar a joia, o jovem escudeiro percebe que se encontra no meio de uma trama de conspirações e mentiras. Os Dudley planeiam uma traição mortal contra o rei Eduardo VI e as suas duas irmãs — Maria e Isabel — com um único fim: chegar ao trono.
Destemido e convicto de que o que vai fazer é o melhor para Inglaterra, Brendan Prescott alia-se a Isabel e aos seus protetores. Torna-se assim um agente duplo em defesa da coroa, contra a ambição desmedida dos Dudley.


O AUTOR
C. W. Gortner possui um mestrado em Escrita na especialidade de Estudos Renascentistas, pelo New College of California. Os seus romances históricos, sempre fruto de intenso trabalho de pesquisa, têm-lhe granjeado elogios por parte da crítica internacional. Já foram traduzidos para 21 línguas com mais de 400 mil exemplares vendidos. De ascendência espanhola, C. W. Gortner vive atualmente na Califórnia. Saiba mais sobre o autor em: http://www.cwgortner.com

TOPSELLER: «​Matar pode não ser necessariamente mau, se houver inocentes envolvidos.»

Os Inocentes

«Stevens escreve a um ritmo acelerado, emocionante, tenso e misterioso, e dá-nos a conhecer uma heroína que até Lisbeth Salander iria admirar.» – Library Journal

«Todos os que aguardavam impacientemente pela sequela de A Informacionista ficarão encantados por descobrir a mesma escrita inteligente, o ritmo magistral, cenas de ação tensas, fluidas e cinematográficas.» – Associated Press

A crítica internacional rendeu-se à escrita de Taylor Stevens. Depois de Informacionista, o 1.º volume da série Vanessa Michael Munroe, ter arrancado excelentes elogios
​ no estrangeiro e em Portugal, já chegou às livrarias o segundo volume da série: Os Inocentes (Topseller I 352 pp I 19,99€)​. Um livro onde o cinematográfico e dramático passado da autora Taylor Stevens volta a soltar-se ao longo das páginas.

Vanessa «Michael» Munroe trabalha com informação. Após fugir a uma infância traumática, a sua aprendizagem e o seu treino permitem-lhe obter todo o tipo de informações, independentemente do cenário ou do país onde se encontre. Por isso, é agora contratada por empresas, instituições ou privados que pagam os seus serviços únicos no mundo.

Destacada para uma missão de alto risco, Vanessa tem de resgatar Hannah, uma rapariga de treze anos, da sua reclusão no seio de uma fanática comunidade religiosa conhecida como «Os Eleitos».

O processo de libertação de Hannah vai resultar em situações complexas e perigosas, mas, com a ajuda do especialista em segurança Miles Bradford, vai também permitir uma nova vida para esta heroína intrigante e com um passado devastador. O lado mais violento e instintivo de Vanessa irá revelar-se em nome da justiça:
​​matar pode não ser necessariamente mau, se houver inocentes envolvidos.

A Informacionista

A AUTORA

TaylorStevens é uma autora premiada, cujos livros estão presentes nas listas de bestsellers do New York Times.
​ ​Nascida em Nova Iorque, Taylor foi criada em várias comunas espalhadas pelo globo, no seio de um culto religioso dos anos 60 chamado Children of God. Foi separada da sua família aos doze anos e não lhe permitiram frequentar a escola além do 6.º ano. Em vez de uma infância normal, Taylor Stevens chegou a viver em três continentes e numa dúzia de países antes de atingir os catorze anos, e passou grande parte da adolescência a mendigar nas ruas de cidades como Zurique e Tóquio, a mando de líderes do culto, a realizar trabalho infantil e a cuidar das crianças mais novas residentes nas comunas, lavando e cozinhando para centenas de cada vez.

Aos vinte anos, Taylor Stevens libertou-se das amarras que a prendiam e permitiu-se viver a sua vida, através da aprendizagem e da escrita.
​ A série de três livros (A Informacionista, Os Inocentes e A Boneca), cuja personagem principal é a heroína Vanessa Munroe, foi amplamente aclamada pela crítica e já se encontra publicada em vinte línguas. O livro A Informacionista foi comprado pela produtora de James Cameron, Lightstorm Entertainment, para ser adaptado ao cinema.

Um caso perdido – Colleen Hoover [Opinião]

10615568_819307491422898_5461410824903934914_n

Opinião:

Colleen Hoover é uma autora norte–americana que já atingiu o 1.º lugar no top de vendas do New York Times e comoveu muitos leitores com os seus seis livros publicados, incluindo Um Caso Perdido (Hopeless).
Colleen cresceu numa quinta, no Texas, casou-se aos 20 anos e tirou uma licenciatura em Serviço Social. Trabalhou nos Serviços de Proteção a Crianças, antes de voltar aos estudos para concluir a sua formação em Educação Especial e Nutrição Infantil. Vive com o marido e os três filhos à beira de um lago no Texas.

Um caso perdido é o primeiro livro desta autora a ser publicado em Portugal, mas não é o primeiro que eu leio. Em inglês li Maybe Someday e foi até agora um dos livros de YA mais lindos que já li. Quando descobri que a TOPSELLER ia publicar este livro fiquei completamente eufórica!

Este é um daqueles livros que nos tocam bastante e que sabemos que nunca vamos conseguir colocar em palavras tudo o que nos fez sentir. Logo no título já vemos que será um livro difícil e assim o é. Quando o começamos nada nós diz o que virá e qual será o tema que irá abordar…e quando o leitor é apanhado desprevenido como eu o fui, fica completamente indefeso.

A escrita da autora é maravilhosa e tem passagens do livro em que parece que estamos a ler um poema. As coisas que são ditas entre Sky e Dean são realmente comoventes.

10940115

Aos poucos a autora vai compondo a história e fazendo com que o leitor se sinta mais e mais atraído pelas personagens, querendo saber o que aconteceu no passado e como será o futuro de ambos. Ao longo de todo o livro senti-me conectada com a personagem feminina Sky.

Este foi mais um livro maravilhoso para mim e tive dificuldades em decidir qual a pontuação que lhe dava. Dou 4 estrelas ou 5 estrelas? Isto deveu-se em parte a comparação que fiz com o outro livro da autora que li. Mas no final, fiquei completamente rendida e acabei por dar as 5 estrelas.

Um livro maravilhoso que eu convido-vos a ler. Não se irão arrepender! :)

5*

Sinopse:
Preferia saber a verdade, ainda que isso fizesse de si um caso perdido, ou continuar a viver uma mentira? Quando Sky conhece Dean Holder no liceu, um rapaz com uma reputação tão duvidosa quanto a dela, sente-se aterrorizada, mas também cativada. Há algo naquela figura que lhe traz memórias do seu passado mais profundo e perturbador. Um passado que ela tentou por tudo enterrar dentro da sua mente. Ainda que Sky esteja determinada a afastar-se de Holder, a perseguição cerrada que ele lhe dedica, bem como o seu sorriso enigmático, fazem-na baixar as defesas, e a intensidade da relação entre os dois cresce a cada dia. Mas o misterioso Holder também guarda os seus segredos, e, quando os revela a Sky, ela vê-se confrontada com uma verdade tão terrível que pode mudá-la para sempre. Será Sky quem ela pensa que é? E será que os dois conseguirão sarar as suas feridas emocionais e encontrar um modo de viver e amar sem limites? Um Caso Perdido (Hopeless) é um romance intenso que o irá comover e arrebatar, ao mesmo tempo que o fará recordar o seu primeiro amor.

O sol da minha vida – Catherine Anderson [Opinião]

OSolDaMinhaVida

Opinião:

Esta é uma das minhas autoras favoritas e cada novo livro dela que leio, fico bastante entusiasmada! É uma pena que deixaram de os publicar em Portugal. Até já estive a ver quais são últimos livros desta série para quando puder comprar em inglês.

Em todos eles, a protagonista feminina tem algum problema de saúde, seja ele físico ou mental. Neste caso Laura era uma mulher inteligente e que depois de um acidente passou a ter afasia. Os homens são todos muito fortes e bastante sensíveis.

O desenrolar da história é previsível e a autora acaba por utilizar a mesma forma em todos os livros, no entanto, para mim é algo que funciona perfeitamente. Acho que de todos da série, este foi o que mais gostei, principalmente pelo personagem masculino. Além de ser inteligente e bastante sensível, era muito sedutor e a química entre o casal era brutal.

Talvez o ponto negativo do livro é o facto da história ser toda muito previsível e não acontecer nada de extraordinário no seu desenvolvimento além da relação de ambos os protagonistas. Mas foi um livro que adorei ler e que de certeza que recomendo!

5*

Sinopse:
Mais um estrondoso sucesso de Catherine Anderson, cujos livros são êxitos mundiais, com leitoras fiéis que querem ler mais obras da autora em português.

Há cinco anos, a vida de Laura Townsend ficou quase destruída devido a uma lesão cerebral que lhe afectou enormemente a fala e a forçou a abandonar uma brilhante carreira. No entanto, apesar das dificuldades, ela nunca perdeu o espírito luminoso. Agora tem um bom emprego numa clínica veterinária – e um lindíssimo patrão que enche o seu coração de sonhos. Mas o veterinário Isaiah Coulter merece uma mulher que consiga estar à sua altura. E Laura conclui que, por vezes, amar um homem significa deixa-lo seguir o seu caminhos…
Quando Isaiah contratou Laura, não estava à espera de uma tão grande lufada de ar fresco.
Impressionado pelo seu toque – e assombrado pela sua beleza – Isaiah apaixona-se. E move o Céu e a terra para lhe demonstrar que ela é a mulher que ele mais precisa – a única que conseguirá trazer o Sol para a sua vida.

Maze Runner – antestreia aberta ao público – 9 de setembro‏

Programa Cine Lapa

Dia 9 de Setembro, a partir das 21h00, no Jardim da Estrela, sejam todos bem-vindos
à Clareira!

Uma das antestreias mais esperadas deste ano! O FOX Movies e a Junta de Freguesia da Estrela, em colaboração com a Big Picture Portugal, apresentam-lhe a 11ª edição do Cine Lapa, que se realizará de 9 a 14 de Setembro, no Jardim da Estrela, em Lisboa, com entrada livre. A abertura do evento, a 9 de Setembro, pelas 21h00, irá consistir na antestreia exclusiva de um dos filmes mais esperados do ano:
Maze Runner, Correr ou Morrer, de James Dashner, cuja obra homónima é publicada em Portugal com a chancela da Editorial Presença.

 

 

01220105_Maze_Runner_Correr_Morrer(RL)

O LIVRO:

Thomas percebe então que se encontra num elevador e que chegou a um lugar estranho, um espaço que se abre entre muros altíssimos e que o enche de pânico. Lá fora, como se estivessem à sua espera,
uma pequena multidão de rapazes adolescentes como ele. As suas vozes saúdam-no com piadas juvenis, proferidas numa linguagem que lhe parece estranha. Dizem-lhe que aquele lugar se chama a
Clareira e ensinam-lhe o que sabem a respeito daquele mundo. Tal como acontece com Thomas, não se lembram da sua vida anterior, mas ali estão perfeitamente organizados, cumprindo preceitos que
ninguém deve quebrar. No fim desse primeiro dia de Thomas naquele lugar, acontece algo inesperado — a chegada da primeira e única rapariga, que traz uma mensagem que mudará todas as regras do jogo. Uma série de grande sucesso, que agradará tanto aos fãs de Os Jogos da Fome como a todos os apreciadores do género fantástico ou de distopias apocalípticas.

O FILME:
Trailer: https://www.youtube.com/watch?v=64-iSYVmMVY&feature=youtu.be

MR_CrossPromo_Book

CONVITE LANÇAMENTO – “Mourinho Rockstar: As Duas Faces do Treinador Mais Polémico do Mundo”

Convite para o lançamento do livro - Mourinho Rockstar As Duas Faces do Treinador Mais Polémico do Mundo

«Mourinho é daqueles que deviam ser tratados à bastonada nos dentes. Toda a gente em Itália o trata com respeito. Precisa de aprender a fazer o mesmo com R os seus adversários.» – PIETRO LO MONACO

«É o líder do seu exército. Mas também se preocupa. Tornou-se um homem por quem, basicamente, estaria disposto a morrer.» – ZLATAN IBRAHIMOVIC

Imagem intercalada 1

Mourinho Rockstar: As Duas Faces do Treinador Mais Polémico do Mundo (Vogais I 208 pp I 14,39€), do escritor e jornalista Luís Aguilar, chega às livrarias a 11 de setembro, dia em que será igualmente apresentado ao público num evento a realizar na Livraria Ler Devagar (LX Factory), às 19 horas, com apresentação do jornalista José Manuel Freitas e o ex-jogador Maniche.

Mourinho Rockstar: As Duas Faces do Treinador Mais Polémico do Mundo é a biografia profissional e passional de Mourinho através das maiores controvérsias que teve com jogadores, treinadores, dirigentes e jornalistas.

Em 2011, quando era treinador do Real Madrid, JOSÉ MOURINHO foi considerado a «estrela rock do ano» pela edição espanhola da revista Rolling Stone. Foi a primeira vez que esta publicação elegeu como rockstar uma figura não pertencente ao mundo da música. Motivo? «Pela arte maquiavélica de irritar toda a gente.» Por encarnar um espírito rock’n’roll na forma como lida com os desafios da sua profissão. Um homem que se ama ou se odeia. Sem meio-termo. Mourinho nunca provoca indiferença. Para o bem e para o mal.

Mourinho Rockstar mostra os dois lados deste homem. Um anti-herói dos tempos modernos. Retratado por aqueles que privaram com ele. De Ibrahimovic a Pep Guardiola, passando por Alex Ferguson, Jorge Costa e Sergio Ramos, entre muitos outros. De um lado, os que o admiram. Do outro, aqueles que não o suportam.

A VOGAIS disponibiliza os primeiros capítulos para leitura imediata, em http://www.vogais.pt. Para mais informações sobre o livro não hesitem em contactar-me.

Mourinho Rockstar

Luís Aguilar nasceu a 23 de Fevereiro de 1982. Começou por estudar Antropologia, mas foi no jornalismo que desenvolveu os seus primeiros trabalhos e o gosto pela literatura.

Publicou Jogo Sujo (2009), a biografia do ex-futebolista Fernando Mendes; o romance Sexo, Morte e Futebol (2010); a biografia de Paulo Futre, El Portugués parte I (2011) e parte II (2012); Correio de Droga (2011), uma história de narcotráfico internacional baseada em relatos verídicos; Jogada Ilegal (2013), sobre os grandes casos de corrupção na FIFA e no futebol internacional; e Jogo de Vida ou Morte (Vogais, 2014), sobre os heróis e os vilões das histórias mais negras dos Mundiais de futebol.