Convergente – Veronica Roth [Opinião]

1891058_653804364657076_1221490587_n

Opinião:

Depois de ter lido dois grande livros, Divergente e Insurgente é então que chega o terceiro livro desta trilogia – Convergente. Para mim é difícil falar deste livro porque em primeiro lugar é o fim de uma trilogia que gostei muito e em segundo lugar porque aconteceram coisas das quais eu não estava à espera e acabei por ter dificuldade em as compreender. Mas depois de alguma reflexão cheguei a conclusão que foi o fim adequado e que na realidade gostei muito desta leitura.

Desde o início que estes livros, que apesar de serem ficção cientifica, trazem temas importantes para os seus leitores, tais como o sentido de lealdade, a amizade, o amor, o sentido de união e a importância do nosso planeta e de todas as coisas vivas.

Neste terceiro volume e mais do que em qualquer outro a autora soube sem dúvida surpreender o leitor, em parte porque uma das personagens que sempre se mostrou forte e determinado, o Quatro, neste último livro a meu ver está desnorteado sem saber para onde se virar, em quem confiar e acima de tudo sente-se confuso com ele próprio e com as suas próprias crenças. A Tris continua a mesma, forte, destemida e segue em busca do melhor para os outros. A particularidade mais marcante nesta personagem é sem dúvida o seu sentido de sacrifício.

Houve momentos no livro que fiquei com raiva e triste, mal podia acreditar no que a autora tinha feito. Mas depois de alguma ponderação, percebi que afinal tudo faz sentido e também é preciso ter em conta que estamos a falar de uma distopia e não de um romance cor-de-rosa.

O ponto alto para mim neste livro foi sem dúvida as parte em que lemos a parte narrada pelo Quatro. Ler os sentimentos dele foi extremamente giro e cativante! Este livro ao contrário de outros tem um ritmo mais lento e não tem tanta acção, mas é compreensível, já que este é um culminar de uma trilogia e neste notei que a autora quis que os leitores compreendessem várias das decisões tomadas.

Uma coisa que tenho a dizer é que devem fazer a leitura deste livro com uma mente aberta, tendo em conta que estamos a falar de uma distopia e de uma trilogia e não apenas de um livro individual. Recomendo! É uma distopia realmente fabulosa.

P.S.: Já fui ao cinema ver o primeiro filme “Divergente” e adorei!!!

4*

Sinopse:
A sociedade de fações em que Tris Prior acreditava está destruída – dilacerada por atos de violência e lutas de poder, e marcada para sempre pela perda e pela traição. Assim, quando lhe é oferecida a oportunidade de explorar o mundo para além dos limites que conhece, Tris aceita o desafio. Talvez ela e Tobias possam encontrar, do outro lado da barreira, uma vida mais simples, livre de mentiras complicadas, lealdades confusas e memórias dolorosas. Mas a nova realidade de Tris é ainda mais assustadora do que a que deixou para trás. As descobertas recentes revelam-se vazias de sentido, e a angústia que geram altera as vontades daqueles que mais ama. Uma vez mais, Tris tem de lutar para compreender as complexidades da natureza humana ao mesmo tempo que enfrenta escolhas impossíveis de coragem, lealdade, sacrifício e amor. Convergente encerra de forma poderosa a série que cativou milhões de leitores, revelando os segredos do universo Divergente.

Resultado do Passatempo [O melhor lugar do mundo é aqui mesmo - Francesc Miralles e Care Santos] Editorial Presença

80090013_Melhor_Lugar_Mundo_Aqui_Mesmo(RL)_201402031604

Já temos o sortudo/a que levará para casa um exemplar deste magnífico livro! Quero agradecer a Editorial Presença pela excelente colaboração que tem vindo a ter nos últimos tempos com o blogue Mil estrelas no colo, não apenas com o intuito de divulgar os seus livros mas também agradar aos fãs do meu blogue. Obrigada também a todos os que participaram e se não foram os vencedores não se deixem desmotivar porque de certeza que haverá mais oportunidades!

Num total de 160 participações o vencedor foi escolhido através do random.org e o número seleccionado foi o 95!

A vencedora foi:

Maria João Baião – Mem Martins

Muitos parabéns e boas leituras!

E já sabem que se quiserem saber mais informações sobre este livro ou então para adquiri-lo podem aceder aqui: O melhor lugar do mundo é aqui mesmo

Falling under – Jasinda Wilder [Opinião]

Falling-Under

Opinião:

Falling Under é o terceiro livro da trilogia Falling da autora Jasinda Wilder. Neste volume conhecemos a história da filha de Colton e Nell, os protagonistas do primeiro livro. Kylie é jovem e tal como a mãe é linda, inteligente e segura de si. Até agora não teve nenhum namorado sério porque nunca se sentiu atraída ao ponto de se entregar totalmente. Até ao dia em que conhece Oz Hide, um “bad boy” que lhe conquista o coração.

Quem me segue sabe que para mim está foi uma série fantástica, linda e super romântica. Adoro este género YA e fico mesmo noutro mundo quando leio estes livros. Se adorei o primeiro e o segundo o que dizer deste terceiro? Nem sei bem como explicar tudo o que senti. O livro é lindo e super intenso.

É verdade que esta autora tem uma queda para dramas e neste livro isso é perfeitamente visível e apesar de ter adorado o livro, confesso que houve ali uma cena que me deixou um pouco desiludida porque achei que tinha sido demais. Mas depois lá tudo acabou por fazer sentido.

A relação de Kylie e Oz é intensa e a química entre ambos é realmente incrível. Kylie é um doce de personagem e é impossível não gostarmos dela e Oz…bem Oz é lindo, sedutor, forte…enfim! Adorei! Foi extremamente querido ver a cumplicidade que a autora soube criar entre ambos os personagens.

Uma das coisas que mais gostei neste livro foi voltar a rever Colton e Nell que estavam tão adultos e sábios! É tão bonito voltar a reencontrar personagens que gostamos tanto! Colton revê-se em Oz e por isso é de partir o coração ao ler os diálogos.

Além disto tudo adorei a surpresa que a autora proporcionou neste livro. Sim, porque sinceramente uma das coisas que aconteceu eu não estava de todo a espera e fiquei tão surpreendida! Consegui descobrir antes da revelação mas mesmo assim fiquei tão feliz! Valeu a pena ler o livro só por causa disso.

Ainda vamos ter um quarto livro sobre o filho dos protagonistas do segundo livro e eu mal posso esperar por lê-lo! Um livro lindo e maravilhoso que me fez extremamente feliz!!

5*

Sinopse:
My name is Colton Calloway. You’ve heard part of my story, but it turns out there’s more. My little girl, Kylie, is all grown up. Seventeen, beautiful, and talented, just like her mother. And just like Nell, my daughter seems to have fallen for a bad boy, one with a lot of darkness and a lot of secrets.

* * *

You thought you knew the whole story. You thought it was over. Happily ever after for everyone.

You were wrong.

My name is Oz Hyde, and you’ve never met me. I’m part of the story, too, but I’m an aside, a quick line or two you’d all but forgotten about. Well guess what? I’ve got my own story to tell.

Buckle up, ‘cause this is gonna be a hell of a bumpy ride.

O outro amor da vida dele – Dorothy Koomson [Opinião]

13556601

Opinião:

Dorothy Koomson é uma das minhas escritoras de eleição. Escritora de dramas, consegue transpor na sua escrita tantas emoções que é impossível para o leitor não se sentir assoberbado por elas. Sempre que saí um novo livro é daqueles que eu anseio logo ter para poder entrar na história e saber que nova maravilha conseguiu transpor para o mundo.

O outro amor da vida dele tem uma sinopse apelativa assim como excelentes críticas online. Conhecemos Libby uma mulher independente e forte que apesar de ter um curso superior, decidi ir atrás dos seus sonhos e tornar-se esteticista. Levando uma vida simples, não gosta de pessoas extravagantes e que se regem apenas pela imagem. Ao conhecer Jack, antipatiza logo com ele, já que ele é daqueles homens mimados que têm tudo desde uma excelente aparência até uma carteira bem recheada.

Mas Jack fica um pouco obcecado por Libby até que a convence a sair com ele. Acaba tudo por se desenrolar muito depressa e de repente já ambos estão casados. É assim que Libby descobre que afinal nem tudo é o que parece e descobre coisas sobre a anterior mulher de Jack que faz com que ela desconfie de tudo e todos. Passando por extremas dificuldades a nível físico e psicológico, Libby revela ser uma mulher forte e independente.

Apesar de ser um livro com uma história bastante interessante, este foi o primeiro livro desta autora que me desiludiu um pouco. Em primeiro lugar porque achei-o extremamente previsível (tirando uma coisa ou outra), e também por não conseguir sentir empatia pelas personagens. Gostei de Libby mas depois Jack achei-o um pouco fraco e também fútil.

Foi um bom livro, admito. No entanto não me cativou como os outros dela, nem me fez chorar nem rir como os anteriores.

3*

Sinopse:
Está a viver o amor com que sempre sonhou?
Libby tem uma vida perfeita com um marido maravilhoso e uma casa enorme em frente à praia. Mas, aos poucos, começa a duvidar do amor de Jack e não acredita que ele tenha realmente superado a morte da primeira mulher, Eve.
Quando o destino interfere na relação de ambos, Libby sente necessidade de conhecer melhor o homem com quem se casou e a aparentemente perfeita Eve.
A jovem esposa descobre algumas verdades assustadoras sobre aquela família. Com receio das consequências, Libby começa a desconfiar que também ela terá o destino da primeira mulher que Jack amou…
Pode um novo amor apagar uma grande paixão?

5 Sentidos – “Feitiço”, o novo livro de Sylvia Day

feitiço

Título: Feitiço
Autor: Sylvia Day
Tradução: Cláudia Ramos
Págs: 216
Capa: mole com badanas
PVP: 15,50 €

A 24 de abril, chega às livrarias Feitiço, um novo romance de Sylvia Day, autora da série de sucesso Crossfire, que vendeu mais de 12 milhões de livros no mundo inteiro. A publicação desta obra da autora na 5 Sentidos responde aos anseios de milhares de leitores portugueses.
Líder das principais listas de vendas internacionais, a série Crossfire, protagonizada por Eva e Gideon, é composta, até ao momento, pelos livros Rendida, Refletida e Envolvida. Feitiço é uma obra em tudo próxima e cheia de momentos de enorme sedução.
Sylvia Day é uma autora várias vezes finalista do prémio RITA (da Romance Writers of America). Publicou em e-book, com grande sucesso, a série Crossfire, que despertou o interesse das maiores editoras internacionais. Rendida, por exemplo, teve uma primeira tiragem, só nos Estados Unidos, de um milhão de exemplares. Desde que foram publicados, os livros desta série têm conseguido, inclusivamente, ultrapassar a trilogia de As Cinquenta Sombras de Grey, nos primeiros lugares dos principais tops de vendas mundiais. Recentemente, os famosos estúdios Lions Gate adquiriram os diretos para adaptação à televisão.

Sinopse:
Max Westin: a personificação da sensualidade. Victoria podia até cheirá-la e senti-la assim que ele se aproximava. Tudo nele era brutal e determinado. Uma criatura primitiva, tal como ela. Max segurou a mão dela de forma intensa e a sua respiração ofegante e excitante deixou bem clara a sua intenção de a possuir, de a domar. “Victoria.” O nome dela, uma só palavra, foi entoado com tamanha possessividade que ela quase sentiu a coleira à volta do pescoço “Está na tua natureza”, murmurou ele. “O desejo de seres possuída.”
Neste jogo do gato e do rato, tudo parece uma ilusão mas a paixão é muito real.

Sobre a autora:
Sylvia Day é autora bestseller internacional de mais de uma dúzia de romances premiados e traduzidos para 38 línguas. Nomeada para Goodreads Choice Award for Best Author, o seu trabalho foi também já distinguido como Amazon’s Best of the Year Romance. Sylvia Day foi ainda galardoada com prémios prestigiantes como RT Book Reviews Reviewers’ Choice Award além de ter sido duas vezes finalista do prestigiado Romance Writers of America.
Saiba mais sobre a autora em http://www.sylviaday.com e facebook.com/authorsylviaday e ainda twitter.com/sylday

Impresa:
Entre o excitante enredo e as sensuais cenas de sexo, os leitores de Feitiço ficarão a querer sempre mais. RT Book Reviews
Excitante, agressivo e profundamente sensual (…) uma leitura que não vai desapontar os fãs de Sylvia Day. Library Journal

5Sentidos

Be with me – Jennifer L. Armentrout [Opinião]

17558817

Opinião:

Be with me é o segundo livro de uma trilogia escrita por Jennifer L. Armentrou, também conhecida como J. Lynn. O primeiro Espero por ti já está traduzido para português pela chancela 5 sentidos da Porto Editora e é um livro fabuloso, repleto de emoções que eu adorei ler. Por isso mesmo estava mortinha por ler o segundo volume e não consegui esperar mas.

Neste volume conhecemos Teresa, mais conhecida como Tessa que é irmã de Cameron (protagonista do 1º livro), e que está apaixonada pelo melhor amigo do seu irmão. Jase tem os seus segredos e sempre que vê Tessa foge dela como “o diabo foge da cruz” como se costuma dizer!

Apesar de tudo Tessa é persistente e ambos acabam por passar bastante tempo juntos. Tessa também tem os seus demónios e neste segundo livro todos os problemas que ambos os personagens tinham foram sem dúvida mais bem explorados que no primeiro, no entanto, neste a autora pecou por falta de emoção. Apesar da relação de ambos ter sido romântica e igualmente bonita, não houve tanta química e sentimento como no primeiro casal desta trilogia, neste foi muito mais sexual.

Gostei do desenvolvimento, no entanto, este livro foi extremamente previsível! A dado momento eu já sabia o que iria acontecer ou quais eram afinal os segredos que escondiam. Mas, não foi por isso que eu deixei de gostar desta leitura. Muito pelo contrário, foi mais um YA que valeu a pena ler e que sem dúvida recomendo. Os personagens são fantásticos e gostei muito da Tessa. Foi também agradável voltar a rever a Avery e o Cameron.

Mal posso esperar para ler o terceiro livro desta série que abordará a história de uma amiga de Tessa que é rechonchuda e que tem uma cicatriz na cara e de um dos amigos de Jace e Cameron!

P.S.: Mais um livro lido no meu reader em inglês! Palmas para mim! :)

4*

Sinopse:
Teresa Hamilton is having a rough year—she’s in love with her big brother’s best friend, but he hasn’t spoken to her since they shared a truly amazing, mind-blowing, change-your-life kiss. She got out of a terrible relationship. And now an injury is threatening to end her dance career for good. It’s time for Plan B – college. And maybe a chance to convince Jase that what they have together is real.

Jase Winstead has a huge secret that he’s not telling anyone. Especially not his best friend’s incredibly beautiful sister. Even though he and Teresa shared the hottest kiss of his life, he knows that his responsibilities must take priority. He certainly doesn’t have time for a relationship. But it doesn’t help that all he can think about kissing the one girl who could ruin everything for him.

As they’re thrown together more and more, Jase and Tess can’t keep denying their feelings for each other. But a familiar danger looms and tragedy strikes. As the campus recovers, the star-crossed couple must decide what they’re willing to risk to be together, and what they’re willing to lose if they’re not…

Falling into us – Jasinda Wilder [Opinião]

1932362_663550637025631_1863148644_n

Opinião:

Falling into us é o segundo livro de uma série da autora Jasinda Wildes. Os dois primeiros livros contam a história de duas amigas e de como conheceram o amor das suas vidas. A opinião do primeiro livro já está aqui no blogue e aqui vou eu dizer-vos o que senti ao ler este segundo volume.

Neste conhecemos a história de Becca e de Jason. Jason sempre foi apaixonado (ou julgava ele que era) por Nell e quando finalmente decide convidá-la para sair e dar o grande passo, este acaba sendo rejeitado, ao mesmo tempo que descobre que Becca a melhor amiga de Nell é apaixonada por ele desde muito nova. Seguindo o conselho de Nell, convida Becca para sair e conta-lhe como tudo começou.

Becca fica surpreendida quando recebe o telefonema de Jason a convidá-la para sair já que este nunca olhou para ela. Mesmo assim, cede a curiosidade e sem ninguém se aperceber foge de casa e vai ter com Jason. Ambos são muito novos, com 16 anos as hormonas ainda estão no ar e por isso tudo acontece muito depressa com toda a adrenalina que antecede um primeiro encontro.

A partir daí estes dois tornam-se inseparáveis. Confesso que quando comecei a ler este livro estava cheia de medo, porque no primeiro livro sofri imenso! A autora cria sempre personagens cheias de problemas e que sofrem imenso e muitas vezes revi-me nelas, principalmente na parte da adolescência.

No entanto, depois de começar a ler este segundo volume, apercebi-me logo que era bem diferente do primeiro. Só por isso a autora merece uma salva de palmas. Normalmente os livros de uma série acabam por ser parecidos e neste caso em algumas coisas é, mas por exemplo no desenrolar da história e no que diz respeito aos sentimentos das personagens não tem nada a ver.

Este a meu ver, não é tão intenso como o primeiro, mas mesmo assim é muito bom. A autora aborda novamente problemas reais e que sucedem a muitas pessoas. Mostra o quanto é difícil de lidar e como isso pode afectar uma pessoa profundamente, principalmente se a pessoa não procura ajuda.

Neste livro, apesar do personagem masculino também ter uma bagagem super pesada, não é ele o principal foco e sim Becca. Jason é o suporte dela e nele vemos um homem com H grande. É um daqueles meninos que todas nós mulheres queremos na nossa vida.

Eu estou a adorar ler esta série, está cada vez melhor. Recomendo!

Este livro merece estrelas!! :)

P.S.: Este livro foi lido em inglês no meu ereader!

5*

Sinopse:
THE STORY YOU THOUGHT YOU KNEW…

When Kyle Calloway died, he took a part of Nell with him. She wasn’t the only one left to pick up the pieces, however; Kyle’s death left a gaping hole in the hearts and lives of his parents and his older brother Colton, and ultimately broke the will of the girl he loved.

THE STORY YOU NEVER IMAGINED…

Becca de Rosa is Nell’s best friend. When Kyle died, Nell was so devastated that no one could reach her, not even her best friend Becca. As she tries to help Nell through her grief, Becca’s own life is thrust into turmoil, and everything she knows is changed.

Jason Dorsey asked Nell out the week after her sixteenth birthday, but that date never happened. Instead, he ended up going out with Nell’s best friend, Becca. He had no way of knowing, then, how that one date would send him on a life-long journey with Becca. He had no way of knowing the tragedies and triumphs he would experience, or that in Becca, he might find the love of a lifetime.

THE HEARTACHE YOU’LL NEVER FORGET…