Falling under – Jasinda Wilder [Opinião]

Falling-Under

Opinião:

Falling Under é o terceiro livro da trilogia Falling da autora Jasinda Wilder. Neste volume conhecemos a história da filha de Colton e Nell, os protagonistas do primeiro livro. Kylie é jovem e tal como a mãe é linda, inteligente e segura de si. Até agora não teve nenhum namorado sério porque nunca se sentiu atraída ao ponto de se entregar totalmente. Até ao dia em que conhece Oz Hide, um “bad boy” que lhe conquista o coração.

Quem me segue sabe que para mim está foi uma série fantástica, linda e super romântica. Adoro este género YA e fico mesmo noutro mundo quando leio estes livros. Se adorei o primeiro e o segundo o que dizer deste terceiro? Nem sei bem como explicar tudo o que senti. O livro é lindo e super intenso.

É verdade que esta autora tem uma queda para dramas e neste livro isso é perfeitamente visível e apesar de ter adorado o livro, confesso que houve ali uma cena que me deixou um pouco desiludida porque achei que tinha sido demais. Mas depois lá tudo acabou por fazer sentido.

A relação de Kylie e Oz é intensa e a química entre ambos é realmente incrível. Kylie é um doce de personagem e é impossível não gostarmos dela e Oz…bem Oz é lindo, sedutor, forte…enfim! Adorei! Foi extremamente querido ver a cumplicidade que a autora soube criar entre ambos os personagens.

Uma das coisas que mais gostei neste livro foi voltar a rever Colton e Nell que estavam tão adultos e sábios! É tão bonito voltar a reencontrar personagens que gostamos tanto! Colton revê-se em Oz e por isso é de partir o coração ao ler os diálogos.

Além disto tudo adorei a surpresa que a autora proporcionou neste livro. Sim, porque sinceramente uma das coisas que aconteceu eu não estava de todo a espera e fiquei tão surpreendida! Consegui descobrir antes da revelação mas mesmo assim fiquei tão feliz! Valeu a pena ler o livro só por causa disso.

Ainda vamos ter um quarto livro sobre o filho dos protagonistas do segundo livro e eu mal posso esperar por lê-lo! Um livro lindo e maravilhoso que me fez extremamente feliz!!

5*

Sinopse:
My name is Colton Calloway. You’ve heard part of my story, but it turns out there’s more. My little girl, Kylie, is all grown up. Seventeen, beautiful, and talented, just like her mother. And just like Nell, my daughter seems to have fallen for a bad boy, one with a lot of darkness and a lot of secrets.

* * *

You thought you knew the whole story. You thought it was over. Happily ever after for everyone.

You were wrong.

My name is Oz Hyde, and you’ve never met me. I’m part of the story, too, but I’m an aside, a quick line or two you’d all but forgotten about. Well guess what? I’ve got my own story to tell.

Buckle up, ‘cause this is gonna be a hell of a bumpy ride.

O outro amor da vida dele – Dorothy Koomson [Opinião]

13556601

Opinião:

Dorothy Koomson é uma das minhas escritoras de eleição. Escritora de dramas, consegue transpor na sua escrita tantas emoções que é impossível para o leitor não se sentir assoberbado por elas. Sempre que saí um novo livro é daqueles que eu anseio logo ter para poder entrar na história e saber que nova maravilha conseguiu transpor para o mundo.

O outro amor da vida dele tem uma sinopse apelativa assim como excelentes críticas online. Conhecemos Libby uma mulher independente e forte que apesar de ter um curso superior, decidi ir atrás dos seus sonhos e tornar-se esteticista. Levando uma vida simples, não gosta de pessoas extravagantes e que se regem apenas pela imagem. Ao conhecer Jack, antipatiza logo com ele, já que ele é daqueles homens mimados que têm tudo desde uma excelente aparência até uma carteira bem recheada.

Mas Jack fica um pouco obcecado por Libby até que a convence a sair com ele. Acaba tudo por se desenrolar muito depressa e de repente já ambos estão casados. É assim que Libby descobre que afinal nem tudo é o que parece e descobre coisas sobre a anterior mulher de Jack que faz com que ela desconfie de tudo e todos. Passando por extremas dificuldades a nível físico e psicológico, Libby revela ser uma mulher forte e independente.

Apesar de ser um livro com uma história bastante interessante, este foi o primeiro livro desta autora que me desiludiu um pouco. Em primeiro lugar porque achei-o extremamente previsível (tirando uma coisa ou outra), e também por não conseguir sentir empatia pelas personagens. Gostei de Libby mas depois Jack achei-o um pouco fraco e também fútil.

Foi um bom livro, admito. No entanto não me cativou como os outros dela, nem me fez chorar nem rir como os anteriores.

3*

Sinopse:
Está a viver o amor com que sempre sonhou?
Libby tem uma vida perfeita com um marido maravilhoso e uma casa enorme em frente à praia. Mas, aos poucos, começa a duvidar do amor de Jack e não acredita que ele tenha realmente superado a morte da primeira mulher, Eve.
Quando o destino interfere na relação de ambos, Libby sente necessidade de conhecer melhor o homem com quem se casou e a aparentemente perfeita Eve.
A jovem esposa descobre algumas verdades assustadoras sobre aquela família. Com receio das consequências, Libby começa a desconfiar que também ela terá o destino da primeira mulher que Jack amou…
Pode um novo amor apagar uma grande paixão?

5 Sentidos – “Feitiço”, o novo livro de Sylvia Day

feitiço

Título: Feitiço
Autor: Sylvia Day
Tradução: Cláudia Ramos
Págs: 216
Capa: mole com badanas
PVP: 15,50 €

A 24 de abril, chega às livrarias Feitiço, um novo romance de Sylvia Day, autora da série de sucesso Crossfire, que vendeu mais de 12 milhões de livros no mundo inteiro. A publicação desta obra da autora na 5 Sentidos responde aos anseios de milhares de leitores portugueses.
Líder das principais listas de vendas internacionais, a série Crossfire, protagonizada por Eva e Gideon, é composta, até ao momento, pelos livros Rendida, Refletida e Envolvida. Feitiço é uma obra em tudo próxima e cheia de momentos de enorme sedução.
Sylvia Day é uma autora várias vezes finalista do prémio RITA (da Romance Writers of America). Publicou em e-book, com grande sucesso, a série Crossfire, que despertou o interesse das maiores editoras internacionais. Rendida, por exemplo, teve uma primeira tiragem, só nos Estados Unidos, de um milhão de exemplares. Desde que foram publicados, os livros desta série têm conseguido, inclusivamente, ultrapassar a trilogia de As Cinquenta Sombras de Grey, nos primeiros lugares dos principais tops de vendas mundiais. Recentemente, os famosos estúdios Lions Gate adquiriram os diretos para adaptação à televisão.

Sinopse:
Max Westin: a personificação da sensualidade. Victoria podia até cheirá-la e senti-la assim que ele se aproximava. Tudo nele era brutal e determinado. Uma criatura primitiva, tal como ela. Max segurou a mão dela de forma intensa e a sua respiração ofegante e excitante deixou bem clara a sua intenção de a possuir, de a domar. “Victoria.” O nome dela, uma só palavra, foi entoado com tamanha possessividade que ela quase sentiu a coleira à volta do pescoço “Está na tua natureza”, murmurou ele. “O desejo de seres possuída.”
Neste jogo do gato e do rato, tudo parece uma ilusão mas a paixão é muito real.

Sobre a autora:
Sylvia Day é autora bestseller internacional de mais de uma dúzia de romances premiados e traduzidos para 38 línguas. Nomeada para Goodreads Choice Award for Best Author, o seu trabalho foi também já distinguido como Amazon’s Best of the Year Romance. Sylvia Day foi ainda galardoada com prémios prestigiantes como RT Book Reviews Reviewers’ Choice Award além de ter sido duas vezes finalista do prestigiado Romance Writers of America.
Saiba mais sobre a autora em http://www.sylviaday.com e facebook.com/authorsylviaday e ainda twitter.com/sylday

Impresa:
Entre o excitante enredo e as sensuais cenas de sexo, os leitores de Feitiço ficarão a querer sempre mais. RT Book Reviews
Excitante, agressivo e profundamente sensual (…) uma leitura que não vai desapontar os fãs de Sylvia Day. Library Journal

5Sentidos

Be with me – Jennifer L. Armentrout [Opinião]

17558817

Opinião:

Be with me é o segundo livro de uma trilogia escrita por Jennifer L. Armentrou, também conhecida como J. Lynn. O primeiro Espero por ti já está traduzido para português pela chancela 5 sentidos da Porto Editora e é um livro fabuloso, repleto de emoções que eu adorei ler. Por isso mesmo estava mortinha por ler o segundo volume e não consegui esperar mas.

Neste volume conhecemos Teresa, mais conhecida como Tessa que é irmã de Cameron (protagonista do 1º livro), e que está apaixonada pelo melhor amigo do seu irmão. Jase tem os seus segredos e sempre que vê Tessa foge dela como “o diabo foge da cruz” como se costuma dizer!

Apesar de tudo Tessa é persistente e ambos acabam por passar bastante tempo juntos. Tessa também tem os seus demónios e neste segundo livro todos os problemas que ambos os personagens tinham foram sem dúvida mais bem explorados que no primeiro, no entanto, neste a autora pecou por falta de emoção. Apesar da relação de ambos ter sido romântica e igualmente bonita, não houve tanta química e sentimento como no primeiro casal desta trilogia, neste foi muito mais sexual.

Gostei do desenvolvimento, no entanto, este livro foi extremamente previsível! A dado momento eu já sabia o que iria acontecer ou quais eram afinal os segredos que escondiam. Mas, não foi por isso que eu deixei de gostar desta leitura. Muito pelo contrário, foi mais um YA que valeu a pena ler e que sem dúvida recomendo. Os personagens são fantásticos e gostei muito da Tessa. Foi também agradável voltar a rever a Avery e o Cameron.

Mal posso esperar para ler o terceiro livro desta série que abordará a história de uma amiga de Tessa que é rechonchuda e que tem uma cicatriz na cara e de um dos amigos de Jace e Cameron!

P.S.: Mais um livro lido no meu reader em inglês! Palmas para mim! :)

4*

Sinopse:
Teresa Hamilton is having a rough year—she’s in love with her big brother’s best friend, but he hasn’t spoken to her since they shared a truly amazing, mind-blowing, change-your-life kiss. She got out of a terrible relationship. And now an injury is threatening to end her dance career for good. It’s time for Plan B – college. And maybe a chance to convince Jase that what they have together is real.

Jase Winstead has a huge secret that he’s not telling anyone. Especially not his best friend’s incredibly beautiful sister. Even though he and Teresa shared the hottest kiss of his life, he knows that his responsibilities must take priority. He certainly doesn’t have time for a relationship. But it doesn’t help that all he can think about kissing the one girl who could ruin everything for him.

As they’re thrown together more and more, Jase and Tess can’t keep denying their feelings for each other. But a familiar danger looms and tragedy strikes. As the campus recovers, the star-crossed couple must decide what they’re willing to risk to be together, and what they’re willing to lose if they’re not…

Falling into us – Jasinda Wilder [Opinião]

1932362_663550637025631_1863148644_n

Opinião:

Falling into us é o segundo livro de uma série da autora Jasinda Wildes. Os dois primeiros livros contam a história de duas amigas e de como conheceram o amor das suas vidas. A opinião do primeiro livro já está aqui no blogue e aqui vou eu dizer-vos o que senti ao ler este segundo volume.

Neste conhecemos a história de Becca e de Jason. Jason sempre foi apaixonado (ou julgava ele que era) por Nell e quando finalmente decide convidá-la para sair e dar o grande passo, este acaba sendo rejeitado, ao mesmo tempo que descobre que Becca a melhor amiga de Nell é apaixonada por ele desde muito nova. Seguindo o conselho de Nell, convida Becca para sair e conta-lhe como tudo começou.

Becca fica surpreendida quando recebe o telefonema de Jason a convidá-la para sair já que este nunca olhou para ela. Mesmo assim, cede a curiosidade e sem ninguém se aperceber foge de casa e vai ter com Jason. Ambos são muito novos, com 16 anos as hormonas ainda estão no ar e por isso tudo acontece muito depressa com toda a adrenalina que antecede um primeiro encontro.

A partir daí estes dois tornam-se inseparáveis. Confesso que quando comecei a ler este livro estava cheia de medo, porque no primeiro livro sofri imenso! A autora cria sempre personagens cheias de problemas e que sofrem imenso e muitas vezes revi-me nelas, principalmente na parte da adolescência.

No entanto, depois de começar a ler este segundo volume, apercebi-me logo que era bem diferente do primeiro. Só por isso a autora merece uma salva de palmas. Normalmente os livros de uma série acabam por ser parecidos e neste caso em algumas coisas é, mas por exemplo no desenrolar da história e no que diz respeito aos sentimentos das personagens não tem nada a ver.

Este a meu ver, não é tão intenso como o primeiro, mas mesmo assim é muito bom. A autora aborda novamente problemas reais e que sucedem a muitas pessoas. Mostra o quanto é difícil de lidar e como isso pode afectar uma pessoa profundamente, principalmente se a pessoa não procura ajuda.

Neste livro, apesar do personagem masculino também ter uma bagagem super pesada, não é ele o principal foco e sim Becca. Jason é o suporte dela e nele vemos um homem com H grande. É um daqueles meninos que todas nós mulheres queremos na nossa vida.

Eu estou a adorar ler esta série, está cada vez melhor. Recomendo!

Este livro merece estrelas!! :)

P.S.: Este livro foi lido em inglês no meu ereader!

5*

Sinopse:
THE STORY YOU THOUGHT YOU KNEW…

When Kyle Calloway died, he took a part of Nell with him. She wasn’t the only one left to pick up the pieces, however; Kyle’s death left a gaping hole in the hearts and lives of his parents and his older brother Colton, and ultimately broke the will of the girl he loved.

THE STORY YOU NEVER IMAGINED…

Becca de Rosa is Nell’s best friend. When Kyle died, Nell was so devastated that no one could reach her, not even her best friend Becca. As she tries to help Nell through her grief, Becca’s own life is thrust into turmoil, and everything she knows is changed.

Jason Dorsey asked Nell out the week after her sixteenth birthday, but that date never happened. Instead, he ended up going out with Nell’s best friend, Becca. He had no way of knowing, then, how that one date would send him on a life-long journey with Becca. He had no way of knowing the tragedies and triumphs he would experience, or that in Becca, he might find the love of a lifetime.

THE HEARTACHE YOU’LL NEVER FORGET…

A filha do barão – Célia Correia Loureiro [Opinião]

image

Opinião:

Célia Correia Loureiro nasceu em Almada, em 1989, é licenciada em Informação Turística pela Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril, mas a sua grande paixão é a escrita. Foi aos doze anos que leu o seu primeiro romance e além d’A filha do barão, já publicou outro dois romances “Demência” em Nov. de 2011 e, em Out. de 2012 “O Funeral da Nossa Mãe”.

A Célia foi uma autora que eu acompanhei desde o início, nem sei dizer bem como é que a conheci, mas sei que depois de ler Demência, sabia que tinha de continuar a ler o que a autora tivesse para me contar.
Esta opinião não será fácil para mim de escrever, mas tentarei sei sucinta e explicada possível, para que além de lerem o que eu tenho a dizer do livro e da sua história saberem também o que senti ao longo da sua leitura.
Vou começar por falar da história a nível geral e irei dizer tanto os pontos positivos como aqueles que achei negativos (tenham em conta que está opinião vai ao encontro do meu gosto pessoal).

A autora Célia Loureiro conta uma belíssima história de amor, desamores, paixão, ciúme e traição. É sem dúvida alguma, um livro português, escrito por uma portuguesa que (acreditem mesmo) tem um dom incrível. Além da história (obvio), o que me marcou profundamente foram todas as descrições que a autora fez. Por um lado, adorei todas as explanações do nosso país já que me fizeram sentir quase como se conseguisse na verdade experimentar e tocar das coisas que falava. No entanto, e aqui vai o meu primeiro ponto negativo, achei que algumas destas descrições foram demasiado longas que acabavam por me descentrar um pouco daquilo que realmente importava.

Os personagens foram (e nota-se) bem pensados e construídos para um propósito no desenvolvimento do livro. Adorei o Daniel e apesar de detestar algumas das atitudes dele, principalmente as do início do livro, foi impossível não gostar de um homem tão inteligente, lindo e tão cuidadoso com os interesses da sua família.
Mariana…o que dizer dela? Eu adorei o Daniel, mas amei a Mariana, é uma personagem forte, destemida, inteligente, carinhosa…uma menina que apesar de tudo sabe tão pouco da vida e é impossível o leitor não se sentir próximo dela. A inocência dela é extremamente cativante e a força que demonstra em algumas situações conquista o coração do leitor que até então ainda não estava totalmente convencido.

Confesso que no início custou-me entrar na história devido a inundação de personagens, de lugares, de linguagem diferente. Parecia que o meu cérebro estava a receber tantas sensações que não se conseguia concentrar, mas depois de nós habituarmos é um livro fácil com uma história espectacular que cativa.
Aqui vai mais um dos pontos negativos: a meu ver a relação de Daniel e Mariana não teve tempo para se aprofundar antes de ambos se envolverem. Inicialmente Mariana era muito nova, mas depois de repente ela já tem idade e acontece tudo muito rápido. Fiquei um pouco desiludida nessa parte, mas admito que a autora conseguiu compensar esta falha com outros desenvolvimentos que o livro tomou. Sim porque depois disso aconteceram tantas coisas inesperadas que foram várias as vezes que o meu coração pulsou de emoção no meu peito. Houve momentos que tive medo de continuar a ler porque tinha pavor do que iria acontecer. Cheguei mesmo a ficar agoniada nas últimas 200 páginas do livro.

Comparei (eu sei que não se deve fazer) muitas vezes a Célia com a autora Florencia Bonelli e com a Paulinna Simons porque são ambas escritoras que nas suas histórias contam sempre muitos factos históricos entrelaçados com um belo romance.

Célia isto é para ti: muitos parabéns por este maravilhoso livro, és uma escritora fantástica e extremamente talentosa. Quando duvidares de ti, vem ao meu blogue e lê isto quantas vezes precisares. Escreves-te uma linda história de amor, de guerra, de ambição que não seria qualquer pessoa que teria a coragem e a força suficiente para a escrever. Ao longo do livro vê-se a dedicação e o trabalho que tiveste com este menino. Na minha honesta opinião, creio ser esta a tua praia, aquela onde mais à vontade sentes. Este livro veio também preencher uma lacuna na prateleira dos escritores portugueses, já que são poucos aqueles que têm o dom de conseguir conciliar história e romance.

Um livro 5 estrelas que é uma viagem longa e maravilhosa pelo nosso belo Portugal!

5*

Sinopse:
Quando D. João tece a união da sua única filha, Mariana de Albuquerque, com o seu melhor amigo – um inglês que investiga o potencial comercial do vinho do Porto -, não prevê a espiral de desenganos e provações que causará a todos. Mariana tem catorze anos e Daniel Turner vive atormentado pela sua responsabilidade para com a amante. Como se não bastasse, o exército francês está ao virar da esquina, pronto a tomar o Porto e, a partir daí, todo o país. No seu retiro nos socalcos do Douro, Mariana recomeça uma vida de alegrias e liberdade até que um soldado francês, um jovem arrastado para um conflito que desdenha, lhe bate à porta em busca de asilo. Daniel está longe, a combater os franceses, e Gustave está logo ali, com os seus ideais de igualdade e o seu afecto incorruptível, disposto a mostrar-lhe que a vida é mais do que um leque de obrigações.

Novidades Quinta Essência Abril 2014

transferir

Titulo: Uma Noite no Expresso do Oriente
Autora: Veronica Henry
Ano da Edição: Abril de 2014
Páginas: 336

Há uma nova vida apenas a um bilhete de distância.
O Expresso do Oriente. Luxo. Mistério. Romance.

Sinopse:
Para o grupo de passageiros que se instala nos seus lugares e bebe os primeiros goles de champanhe, a viagem de Londres até Veneza é mais do que a viagem de uma vida. Uma missão misteriosa; uma promessa feita a um amigo moribundo; uma proposta inesperada; um segredo que remonta a vida inteira… Enquanto o comboio segue viagem, revelações, confissões e encontros amorosos têm lugar no cenário mais romântico e infame do mundo.
—–
Sobre a autora:
Veronica Henry trabalhou como argumentista para várias séries televisivas, antes de dedicar à ficção. Uma Noite no Expresso Oriente é o seu décimo primeiro romance. Veronica vive com o marido e os três filhos numa aldeia no norte de Devon. Para mais informações, visite http://www.veronicahenry.co.uk

transferir (1)

Titulo: Nove Semanas e Meia Quebraram todas as regras
Autora: Elizabeth McNeill
Ano da Edição: Abril de 2014
Páginas: 152

Sinopse:
Esta é uma história de amor tão pouco frequente, tão apaixonada, tão extrema e tão real que o leitor não pode deixar de seguir, fascinado, o seu desenvolvimento ritual. Duas pessoas cultas, civilizadas e independentes conhecem-se um dia por acaso numa rua de Nova Iorque, um domingo de maio nos anos setenta, e iniciam uma relação que em breve se tornará uma experiência sadomasoquista de rara intensidade. Desde o início, estabelecem espontaneamente entre eles estímulos sexuais que obedecem a um ritual instintivo de dominação e humilhação, ritual que é aceite primeiro com surpresa e depois com prazer genuíno, pela autora desta história chocante. Naturalmente, à medida que a relação progride, o casal embarca em jogos cada vez mais elaborados e sofisticados que, após nove semanas e meia, conduzem a mulher a uma absoluta falta de controlo do seu corpo e mente.

Sobre a autora:
Elizabeth McNeill é o pseudónimo de Ingeborg Day, nascida em Graz, na Áustria, em Novembro de 1940, tendo emigrado depois para os Estados Unidos. Suicidou-se em 2011, levando com ela o mistério de uma ligação erótica extrema que ainda fascina o mundo.